segunda-feira, junho 20, 2011

O que eu acho legal em Naruto?



Eu já vi muita gente falar muito mal do mangá e/ou anime. Eu não acho uma obra incrível, não acho nada fenomenal, mas também não penso que seja um lixo e que não tenha nada alí aproveitável. Tentarei mostrar para vocês o que me atrai nesta obra.
Basicamente são três coisas que eu acho muito legais em Naruto, mas essas coisas não fazem dele o melhor mangá do mundo, muito menos um dos melhores. Existem outros mangá, que um dia falarei por aqui, que são muito melhores. Mas enfim, vamos falar do mangá Naruto! E o primeiro ponto positivo, pra mim, neste mangá é:  


O Mundo

Ainda no "Naruto Clássico" ( é como quem acompanha chama a fase do anime com o Naruto criança) você fica sabendo que o mundo em que se passa o anime/mangá já passou por 3 grandes guerras mundiais. E que os "países" que compõem o mundo, vivem uma "paz" muito delicada. Praticamente eles se toleram e não precisam de muitos motivos para se atacarem. Vivem pisando em ovos!



Cada país tem o nome ligado a um elemento. Temos cinco países principais, o país do fogo, o país da pedra, o país do vento, o país da chuva e o país do trovão. A vila principal de cada país tem um nome ligado ao elemento daquele país. Respectivamente, Konohagakure (vila da folha), Kagerogakure (vila da Montanha), Sunagakure (vila da Areia), Amegakure (vila da Névoa) e a Kumongakure (vila da Nuvem). 

Cada vila tem um líder, Kage. Konohagakure possui o Hokage; Kagerogakure o Tsuchikage; Sunagakure possui o Kazekage; Amegakure o Mizukage e Kumongakure o Raikage. Cada um desses líderes são ninjas formidáveis, geralmente só os melhores são escolhidos como Kage, e a maior parte dos habitantes da vila, ou respeita, ou admira, ou teme seu líder, por suas habilidades.



Cada vila tem seus clãs de ninjas, cada clã possui técnicas secretas e poderes especiais únicos passados de geração em geração. Segredos que nunca são passados para ninguém fora dos clãs! 

Alguns clãs possuem algo chamado "linhagem sanguínea avançada". Os poderes especiais são genéticos. Transmitidos entre pessoas do mesmo clã. Somos apresentados a vários exemplos durante toda a história. 

Por isso, algumas vezes durante a história do anime/mangá, "tratados de paz" foram negociados e a moeda de troca foram os corpos de integrantes dos clãs para serem estudados e terem seus segredos extraídos. 


E só com essas informações temos um plano de fundo bem legal. Países vivendo numa enorme tensão internacional, enfrentaram três grandes guerras mundiais. Existem países que possuem alianças, outros são tão turrões que não fazem aliança com ninguém! Cada país tem sua força militar, baseada principalmente na espionagem, com suas tecnologias altamente secretas! Esses países estão dispostos a tudo para continuarem soberanos ou dominarem os outros, desde causar intriga, a apelar para tortura, assassinato, etc.

Falando assim não parece Naruto, mas esse é o plano de fundo do anime. Acrescente as galhofas, os dramas forçados, técnicas sobrenaturais, os combates sem noção e "BAM!" isso é igual a Naruto! Admita, o plano de fundo é legal! Pode retirar todo o resto de deixar só esse plano de fundo que ele caminha sozinho e as possibilidades de se contar uma boa história são enormes! É por isso que eu acho o mundo deste mangá muito interessante. Apesar da obra ser mais galhofa do que séria, se quisesse o autor poderia ter feito algo sério e mantendo o sobrenatural até. Como poderia também retirar isso e a obra ficaria atraente do mesmo jeito, ou até mais!
Como esse plano de fundo é um clichê, pode-se retirar os ninjas da jogada e construir histórias com qualquer outro tipo de personagem.

Vamos ao outro ponto interessante do mangá, pra mim.


As Lendas

Qualquer mundo precisa de histórias. E nesse caso o anime está cheio delas. Existem vários personagens lendários. Muitos deles são heróis de guerra. Ou experimentos militares que deram errado. Outros foram fortes o suficiente para sobreviverem a uma luta com determinado líder-militar, não venceram mas o fato de sobreviver fez deles lendas! 

E muita gente que acompanha o mangá/anime, se interessa mais por essas lendas do que pela linha temporal atual. A história do mundo em si é muito interessante, e os personagens que participaram da construção desse mundo são muito interessantes. 

Como todo mundo sabe, Naruto é basicamente sobre porrada! Então as maiores lendas do mundo do mangá/anime são pessoas poderosas, que possuiram técnicas incríveis ou foram espertos no modo de utilizarem suas técnicas, mesmo não sendo totalmente destrutivas.

Por exemplo, um personagem conhecido como Yondaime Hokage ( O quarto hokage) de Konohagakure, seu nome: Namikaze Minato. Ficou conhecido no mundo como o relâmpago dourado de Konoha, um herói de guerra que soube utilizar muito bem sua técnica de teleporte. 

Levou seu país muitas vezes à vitória, por ser um grande estrategista. Sua história foi muito curta como líder da vila da folha, sua lenda foi construída antes disso durante a terceira grande guerra do universo do mangá/anime. Todas as partes do mangá em que aparece esse personagem são incríveis. Diferente de outros ele não pertence a nenhum clã com poderes especiais, pelo menos até agora, tudo o que se sabe dele é que desenvolveu suas habilidades "no braço" através do puro esforço.

Esse tipo background de personagem é um clichê de mangá/anime, o zé-ninguém que se esforça e vira alguém, você já viu vários personagens assim e boa parte deles são muito bons. Tá certo que no anime ele já morreu! Mas suas histórias em flashback são algumas das melhores!

Outro personagem interessante é um dos Mizukages da vila da névoa, Amegakure. Conhecido como Salamandra Hanzou!  Ele foi um dos grandes heróis/vilões da segunda guerra mundial entre os 5 países. 


Esse cara marcou sua época. Tanto que as únicas pessoas de todo um batalhão que sobreviveram a luta contra ele ganharam um título, e são admirados nos outros países, ficaram conhecidos como Sanin. 

Esses são os sobreviventes, os Sanins.
Por quê ele é um "herói/vilão"? Bem, porque ele é um herói para sua vila e um vilão para as vilas rivais! Tem pontos toscos na sua história, mas é um vilão muito interessante. Pena que na cronologia atual ele esteja morto. E você depende de flashbacks para saber da história dele. 

Boa parte das lendas do mangá/anime, estão todos mortos. Você tem poucas "lendas-vivas". E grande parte dessas lendas são heróis de guerra que aterrorizaram todos em suas épocas. Temidos pelas vilas rivais e admirados em seus países.

Outra coisa legal é que cada líder faz o que quer em sua vila, se a população não gostar que o tire do cargo! E nenhuma vila, mesmo aliada, tem o direito de se intrometer em como o líder de outra vila administra as coisas.

Tanto que a mais cruel delas é a Amegakure, vila da névoa sangrenta. Seus métodos de seleção para futuros ninjas são os mais violentos possíveis. Funciona assim: se você sobrevive está apto a ser um ninja daquela vila! E por mais violenta que seja, nenhum outro país pode se intrometer ou tentar mudar isso.

O mundo de Naruto é vasto em histórias. Pena que o mangá/anime não trabalhe isso tão profundamente quanto eu gostaria. Cada vila tem suas lendas, seus clãs, seus segredos de estado. É um mundo rico. Cada país tem lendas suficientes para gerar boas histórias sozinho.
Tem muito material, na minha opinião, mais interessante do que a linha temporal atual. Um spin-off baseado no passado do mundo de Naruto, teria tudo para ser incrível!
E tudo isso pode ser muito bem utilizado para contar outras histórias, líderes poderosos, organizações militares inescrupulosas, sobreviventes lendários, estrategistas incríveis. Com uma boa adaptação, uma história completamente diferente tem início. 

Agora vamos para o próximo e último ponto!


Os personagens secundários

Muitos mangá/anime passam por isso. Os personagens secundários são, em boa parte dos casos, mais interessantes do que os principais. Por exemplo, Kurama e Hiei de Yu Yu Hakusho.


Dois personagens que roubaram a cena quando apareceram no mangá/anime. A medida que os episódios avançavam esses dois foram arrebatando fãs. Esses caras são grandes ladrões do universo de Yu Yu Hakusho. Cada um com passado, motivações, segredos próprios e personalidades bem definidas.
E como essa obra é sobre pancadaria, eles dois possuem técnicas muito legais que os tornam ainda mais interessantes.

Apesar de gostar muito do personagem do Yusuke (personagem principal de Yu Yu Hakusho), outros roubam a cena quando aparecem junto a ele. Mas, não é uma característica somente de Yu Yu Hakusho ou Naruto, se você for procurar em outros mangás, irá encontrar com certeza personagens secundários muito mais interessantes que os principais.



Enfim, Naruto possui uma pilha enorme de personagens mais interessantes que o principal! Só na vila de Konoha, a vila onde mora o protagonista, praticamente quase todos os outros ninjas da vila são mais interessantes que ele.

Um personagem secundário ganhou até um spin-off, o Rock Lee. Ele fez tanto sucesso que hoje tem uma mangá só dele. Tá certo que não sai tanto quanto o mangá principal e as histórias não intereferem no mundo, mas o personagem é muito legal! Ele tem a história parecida com a lenda que eu citei, o quarto hokage, um zé-ninguém que se superou e se tornou um dos mais fortes ninjas da vila. Ele roubou a cena numa fase da série clássica.
Creio que todos se surpreenderam com o Rock Lee, porque você se pergunta: Como ele vai ganhar uma luta se ele não possui nenhuma técnica especial? E como ele vai lutar com um dos vilões mais fortes do mangá?

O personagem deu um show, ele mostrou que poderia ter ganhado a luta. Só não ganhou porque, por um motivo lógico, o Naruto teria que detonar o vilão. Mas todo mundo viu que o Rock Lee poderia ter ganho!


Essa fase que me referi anteriormente é marcada pelo Chuunin Shiken, um grande torneio entre os países aliados para graduar os ninjas das vilas. Para se graduarem, os ninjas, não precisam vencer o torneio, precisam mostrar as características necessárias para levar um batalhão à vitória, e não é só o poder que garante uma vitória. Por exemplo, Nara Shikamaru. Outra grande surpresa do torneio. Você não dá nada por ele, e acha suas técnicas idiotas. Ele manipula as sombras de um ambiente, pode prender as pessoas pela sombra ou mesmo atacar através dela.


Shikamaru não chega a ganhar a sua batalha final, mas surpreende os jurados pois consegue neutralizar seu adversário durante a luta, sem precisar usar nenhuma técnica ofensiva. Os jurados vêem isso e chegam a conclusão de que se fosse numa guerra e ele tivesse liderando um batalhão, a vitória teria sido garantida alí. Tanto que o único que se gradua neste torneio é o Shikamaru, por sua estratégia durante esta luta!

Durante esta etapa do mangá/anime você é apresentado a vários outros personagens que posteriormente passam a aparecer e muitas vezes roubar a cena! Tanto que quando a série clássica acabou e a começou o Naruto Shippuuden (série em que Naruto e os outro personagens são adolescentes), todo mundo queria ver como ficaram os personagens secundários! O que eles tinham feito, o que aprenderam e etc. Pouca gente tava ligando pro Naruto.

Atualmente está acontecendo uma guerra no mangá. A quarta guerra mundial do mundo ninja. E tem sido a melhor fase do Naruto Shippuuden. Tem apresentado mais personagens secundários. Tem aparecido os ninjas de todas as vilas, suas técnicas tem sido mostradas, suas histórias contadas, e por aí vai. Muito legal. E todos esses personagens são muito mais interessantes que o Naruto.
E não precisa ser o mais poderoso, precisa apenas ter uma personalidade marcante, uma boa história, e isso é o suficiente para roubar a cena. E o mangá/anime Naruto está cheio disso, personagens marcantes!
Aprenda isso, quando quiser criar um bom personagem, não precisa criar o personagem mais poderoso de todos.



Concluindo


É basicamente isso que gosto no mangá Naruto. Um mundo amplo, repleto de histórias e com personagens secundários muito bons! Por mim podiam surgir pelo menos 2 spin-offs da série, um focado nas histórias do passado e outro nos personagens secundários. Não é o melhor mangá do mundo, existem vários outros bem melhores, mas Naruto não é um lixo completo.

Tem galhofas, tem dramas forçados, tem técnicas de luta sem noção, combates ignorantes, sentimentalismo exagerado, mas tem um plano de fundo bastante interessante e histórias e personagens cativantes.

Se você prestar atenção, o plano de fundo do mundo e suas lendas são úteis para contar uma boa história em qualquer época ou universo. Por exemplo, você pode contar uma história atual com países vivendo em constante tensão por causa de guerras recentes, cada país com seu segredos de estado e com uma força militar baseada em espionagem! Adapte também as lendas do mundo de Naruto para outras épocas e você terá um mundo completo para contar histórias militares, de espionagem, etc. Você pode cortar toda a parte sobrenatural, retirar todas as técnicas especiais e não terá problema, pois não é isso que conta.

Se você quiser também pode manter toda a parte sobrenatural do mangá e retirar tudo o que você não gosta! Se não gosta de ninjas com roupas coloridas, retire! Se não gosta de dramas forçados, retire! E isso não fará diferença. O mundo sobrevive sem isso. Se quiser contar histórias envolvendo os outros países, as outras vilas, fique livre. Cada vila ou país tem uma mitologia própria independente das outras, com suas lendas, clãs, técnicas, segredos e etc. É um mundo rico!

Mas, por quê falar de contar histórias, criar personagens e essas coisas? Esse post não é para você mostrar o que faz você acompanhar Naruto?

É sobre o que eu curto no mangá, mas também é sobre RPG. Se souber utilizar os elementos que falei aqui para construir um mundo, uma aventura, ou uma campanha de RPG, você terá uma belo resultado final.

Se abstrairmos apenas a base do mundo de Naruto, das lendas e dos personagens secundários temos o suficiente para criar um cenário original! Ou podemos utilizar este mundo, do jeito que está, com ninjas, técnicas de luta, retirar o que não gostamos e criar uma bela campanha! Ou ainda podemos aprender a criar bons personagens só observando as histórias das lendas do mundo e dos secundários.

Enfim, não quero te convencer a acompanhar Naruto, quero te mostrar, apenas, que o mangá tem pontos positivos e que pode ajudar mestres e jogadores a criarem excelentes sessões de RPG.

3 comentários:

* Andhora Silveira * disse...

Concordo com os pontos que vc citou , fiquei curiosa por conhecer o mangá, mas acho que o anime ficou tão chatinho... eu conheci Naruto pelo anime, nunca acompanhei o mangá. xD

Luppus-San disse...

Ótimo post. Concordo com quase tudo. Sou fã de Naruto e também acho que não seja um dos melhores nem dos piores.

Mas cara você cometeu uns erros graves aí.
Amegakure é Vila da Chuva (Ame = Chuva) não Vila da Névoa (Kirigakure no Sato).
O Hanzou não era Mizukage, já que essa posição é do líder da Kirigakure. Não há nome conhecido para a posição de líder de Amegakure.

E também, o País da Pedra não existe.
A Vila Oculta da Pedra(Iwagakure no Sato) no País da Terra, sim.

Bom, no geral o post está realmente bom como de costume.
Parabéns ^^

Bob Mota disse...

Andhora, o mangá é muito melhor por não ter os filler. Na minha opinião, filler só deixa tudo mais chato. Conheça o mangá, tem mais chances de você gostar da obra através ele.

Lupus-San, obrigado pelas correções. Vou fazê-las o mais rápido possível. Acho que acabei me confundindo.

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...