sábado, setembro 03, 2011

Como gostam de reclamar de Final Fantasy



Não que eu seja um fã de Final Fantasy que não sabe ver os defeitos dos jogos e a idolatre independente de qualquer coisa. Para falar a verdade eu nunca fui fã de alguma coisa até esse ponto. Talvez só dos Simpsons, mas o restante eu sei bem ver os defeitos.

Mas qual é a motivação deste post? O que me motivou foi o pessoal que compara a série com outros jogos tão diferentes que chega a ser um absurdo! E também porque tem gente que diz que a série não evoluiu, e isso é o que mais dói de ouvir.

A série tem defeitos? Tem muitos, mas dizer que não houve mudança após tantos jogos é coisa de troll.
Hoje vou refutar os principais comentários que os trolls de plantão usam parar detonar a série Final Fantasy.
Primeiro - Os jogos são sempre sobre salvar o mundo ou derrotar o mal. Por isso é infantil.

Sobreviver, salvar o mundo, deter o mal. É tudo muito diferente!

A primeira coisa que deve ser considerada antes de tudo é: TODO jogo, de ação, aventura, rpg, fps, etc, pegue qualquer jogo que existe, se baseia  na enterna briga entre o bem e o mal. Quem é bom e quem é mal, quem define é o jogo. Então dizer que Final Fantasy não evoluiu porque todo jogo fala sobre a luta entre o bem e o mal, ou sobre salvar o mundo é dizer que TODA a indústria não evoluiu pois TODO jogo desse tipo, ou pelo menos a maioria, ou 99%, trata de salvar o mundo ou detonar o mal.
Quer ver? Mass Effect, God of War, Dragon Quest, Chrono Trigger, Chrono Cross, Phantasy Star, Zelda, Devil May Cry, Call of Duty, Battlefield, Shadow of the Colossus, e tantos outros. Por mais que a história te dê liberdade para você "escolher o caminho que seu personagem irá seguir" ele te obriga a basicamente escolher entre o bem e o mal. Seja do gênero de rpg, aventura, fps, ação, qualquer um. A maioria se baseia nessa idéia. Os que não se baseiam são poucos, como Grand Theft Auto, e por mais que seja diferente ninguém vive só jogando esse tipo de game. O que o povo gosta mesmo é de salvar o mundo e ser herói! Admita!


Segundo - Os personagens não são reais, são todos bonzinhos. Pessoas boazinhas não existem!

Olha Kratos, querem que todos sejam como você!

Esse argumento pelo que eu pude perceber se baseia numa tendência atual em todas as mídias da cultura nerd. A tendência da maioria dos heróis se tornarem anti-heróis.

Mas o que é um anti-herói?

Segundo a wikipedia:
Anti-herói é o termo que designa o personagem caracterizado por atitudes referentes ao contexto do conto contemporâneo, mas que não possuem vocação heróica ou que realizam a justiça por motivos egoístas, pessoais, vingança, por vaidade, por matar ou por quaisquer gêneros que não sejam altruístas, ou seja, é o antônimo da idéia que se tem de herói.

Se você pensar, 99% dos personagens principais dos games, quadrinhos, filmes, animações etc. atuais seguem esse padrão de comportamento. Não preciso relacionar os nomes dos personagens principais dos games e quaisquer outras mídias consumidas pelos nerds. Relacionem vocês mesmos.

Então até a geração do Playstantion, do PSOne, essa tendência não estava tão forte. E qual é o tipo de herói continua sendo o padrão da série Final Fantasy? O altruísta.

E talvez por isso tanto o pessoal que caiu no gosto pelos anti-heróis ou o pessoal da nova geração que tem um primeiro contato com o Final Fantasy estranha essa série de games. Os personagens, em sua maioria, são heróis convencionais, altruístas, bonzinhos. Mas o pessoal rotula como um jogo infantil e não percebe que é apenas mais um recurso para se contar um tipo de história. A série até possui um ou outro personagem anti-herói, mas os principais não são assim. E pelo que já ouvi falar dos novos games, a Square e seus roteiristas de games, criadores de personagens e etc, ainda não resolveu seguir essa tendência.

E ainda tem gente que diz que pelo herói não ser altruísta o game é menos real!

Isso é absurdo, falar de realidade no mundo dos games. O que eu acho que esse pessoal precisa fazer é aprender a utilizar uma palavra, a verossimilhança.

Definição:
Verossimilhança, em linguagem corrente, é o atributo daquilo que parece intuitivamente verdadeiro, isto é, o que é atribuído a uma realidade portadora de uma aparência ou de uma probabilidade de verdade, na relação ambígua que se estabelece entre imagem e idéia. Em literatura, o termo designa a ideia de que aquilo que é narrado se assemelha à realidade.

Atualmente acham que um anti-herói é mais verossímil e que o altruísta é justamente o contrário. Quando não percebem que são história contadas de maneiras diferentes mas que convergem para o mesmo final. Se você não gosta de uma história em que o herói não segue o perfil atual, é o seu gosto. Rotular um game ou uma série de ruim, por esta não seguir uma determinada tendência (ou o seu gosto) é infantil. Uma atitude de quem pensa que só aquilo que é atual é o correto e o que vai contra isso é errado e precisa se adaptar. 


Terceiro - O game só mudou nos gráficos

Gráficos praticamente perfeitos!

Discordo totalmente. Apesar das histórias dos games serem semelhantes (salvar o mundo). Aliás qual RPG tem um tema diferente? Ou melhor qual game em que temos um herói como protagonista tem uma história diferente?

Final Fantasy é um dos poucos RPGs em que o sistema de batalha foi melhorando a cada edição, ou seja evoluindo. E não precisa ir tão longe para perceber isso. Apenas compare os sistemas entre os Final Fantasy VII e VIII (PSOne) e o X e o XII (PS2).
Entre o FF-VII e o FF-VIII vemos uma mudança sutil, temos as Junctions com os GFs, a possibilidade de acrescentar aos seus ataques tipos elementais e etc. O FF-X muda totalmente o esquema de evolução, os Limit Breaks passam a ser Overdrives e precisam da interação do jogador para funcionarem, o FF-XII então, tem o melhor sistema de batalha de todos os jogos de Final Fantasy até aqui.

O melhor sistema de combate de um Final Fantasy?!

Mecanicamente o game só evoluiu a cada edição, pelo menos da geração PSOne e PS2 eles tentavam algo novo e foi assim até chegar no sistema do FF XIII, que dizem ser praticamente perfeito!

Na questão dos gráficos então, não preciso nem falar, a cada game praticamente só melhoraram. Até chegar no ápice em Final Fantasy XIII. E ainda teremos mais 2 que prometem ser tão bom quanto ou melhores nesse quesito, o FF-XIII-2 e o FF-Versus XIII.


Anti-heróis finalmente chegam a Final Fantasy no Versus XIII?

Final Fantasy XIII-2, mais do mesmo?


Concluindo

Essa série de games evoluiu sim com o passar dos anos. Em termos de mecânica, história e etc. O que vejo acontecer é o pessoal querer que ele acompanhe a tendência do anti-heroismo ou querer comparar com games que não são rpgs.

Na boa, compare rpgs com rpgs. Não compare rpg com jogos de ação com elementos de rpg. Atualmente praticamente todo jogo tem um esquema de evolução para os protagonistas, jogos de ação e aventura principalmente. O pessoal confunde e diz que é rpg quando na realidade não é, o game apenas tem alguns elementos de rpg.

E outra, dentro deste tipo de jogo ainda temos subcategorias como o MMORPG. E já vi pessoas dizendo que Final Fantasy deveria ser tão mundo aberto quanto World of Warcraft. Se tiver falando de Final Fantasy XI que é um MMORPG, tudo bem. Mas falar dos outros e fazer esse tipo de comparação é forçado. 

Então, espero ter sido claro. Fiz esse post justamente para ir de cara contra os trolls que só sabem falar asneiras e comparações sem sentido. Apesar de saber que cabeça de troll não se muda, se arranca!

4 comentários:

Warnius! disse...

eu concordo,realmente concordo,mas como ja falou oque eu penssava.
Eu gosto muito de heroi e anti-herois mais ainda se eles se aproximan da realidade por isso nem gosto muito de chamar de heroi,vilao,ect.
Por min tinham de ser marcados por objetivos,claro viloes(sociopatas,psicopatas ect))podem existir mas nao fazer todo cara nesse estilo.
ainda mais psicopata,megalomaniaco

* Andhora Silveira * disse...

Eu acho incrível a evolução de Final Fantasy, tanto quanto a questão de roteiro do game, como os gráficos. Sou uma fã incondicional e sou apaixonada pelos personagens. Em especial, eu amo Final Fantasy VII: A introdução, o sistema de batalha, o mundo no geral, a apresentação visual e o final, que é emocionante.

Anônimo disse...

cara... já to apaixonada só por causa dos gráficos :D
vi que tem um filme disso tbm o do advent children.......
queria saber se existi mais filmes com o formato de advent children.
pode me xingar o quanto quiser,é que sou APAIXONADA por anime e ver um filme, mó irado, parecendo anime e com efeitos e gráficos inacreditáveis...fiquei loka.
então...existi mais filmes com esse formato?

Bob Mota disse...

No mesmo modelo do Final Fantasy VII - Adventure Children tem mais um filme em 3D. Do ano 2000, não tem nenhuma relação com nenhum jogo mas é muito bem feito, o nome é Final Fantasy - The Movie.
Sobre o FF-VII, temos um OVA chamado de The Last Order, que fala sobre um evento anterior ao game e a animação é em 2D normal.
Tem também o OVA Final Fantasy VII – On the Way to a Smile: EPISODE DENZEL, é só sobre esse personagem. Que tem ligação com o game FF-VII e o Adventure Children. É em 2D também.
Por fim temos um anime chamado Final Fantasy Unlimited, não tem ligação com nenhum jogo da série nem nenhum desses flmes ou ovas. É algo independente que não agradou o público.
Acho que é isso e espero ter ajudado.

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...